Série BMW 3 E30

desde 1983-1994 lançamento

Reparo e operação do carro



BMW E30
+1. Instrução de manutenção
+2. Manutenção
+3. Motor
+4. Esfriamento de sistema
+5. Aquecer-se e ventilação
+6. Sistema de combustível
+7. Sistema de escape
+8. Transmissões
+9. União
+10. Sistema de freios
+11. Gerência de engrenagem
+12. Corpo
+ 13. Equipamento elétrico
- 14. Dicas úteis
   14.2. Os números modificados
   14.3. Compra do velho carro ou conjunto de dados misterioso e cartas
   14.4. Durabilidade do carro
   14.5. Sobre paralelismo de pontes do carro e trailer
   14.6. Preparação do carro de inverno
   14.7. A regra 35
   14.8. Escolha do carro usado
   14.9. Óleos de motor
   14:10. Que necessidades conhecer-se, modificando o óleo
   14:11. Emergência em óleo de depósito
   14:12. Se é possível misturar óleos de importação?
   14:13. "Come" muito, mas calmamente vai
   14:14. É bastante vivo, do que é … morto
   14:15. Não se adquire - dicas úteis
   14:16. Visita a serviço do carro
   14:17. Um cinto de engrenagem do passeio de mecanismo de distribuição de gás
   14:18. Uso de pistões
   14:19. Válvulas
   14:20. Carregamentos de motores
   14:21. Poluição do motor
   14:22. Como o condicionador funciona e que fazer se falhou
   14:23. Condicionador: não só "vantagens", mas também "minuses"
   14:24. Regras de serviço do condicionador
   14:25. Anticongelante não deve perturbar do anticongelante …
   14:26. O que deve conhecer-se depois da compra do filtro de ar
   14:27. Motor superaquece
   14:28. O que deve conhecer-se ao proprietário do carro com o motor de injetor
   14:29. Acumulador
   14:30. Maus funcionamentos possíveis da bateria recarregável
   14:31. Que fazer com o gerador fracassado
   14:32. O cinto é culpado, e culpamos o gerador
   14:33. Catalisador
   14:34. Coce-se em um - ou como salvar o catalisador
   14:35. Probuksovochka
   14:36. Características de operação do sistema de freios
   14:37. Maus funcionamentos do sistema de freios
   14:38. Fluidos de freio
   14:39. ABS: escolha natural
   14:40. Bordas
   14:41. Atualizamos bordas
   14:42. Esquema de marcação de um pneumático do carro
   14:43. Corrosão metálica
   14:44. Automaquilagem
   14:45. Que rangidos?
   14:46. Escotilha
   14:47. Almofada de segurança: preocupações ou prazeres?
   14:48. Ajustamo-nos bem?
   14:49. "Imunodeficiência" que se antiarrasta
   14:50. Porque os faróis se tornam enfadonhos
   14:51. Galogenka
   14:52. Sobre o ajuste correto de faróis
   14:53. Motor elétrico
   14:54. Da modificação dos lugares "compostos" nada se modifica?
27a7f495



14:15. Não se adquire – dicas úteis

INFORMAÇÃO GERAL

O seu hardware tem de ser sem defeito – tempo que tem, há o mesmo dinheiro que, esperamos, em você é também. Não perca isto ou o outro. Se a bondade souber onde o laço ido ou a perna de arquejo queimada pelo ferro podem tornar-se a razão do fracasso de um encontro de negócios que então falar do carro que não quer começar-se durante uma hora antes das negociações nomeadas.

... De manhã cedo, somente barbeado e cheio de grandes planos (a criança – na escola, a esposa – no salão de penteado e ele – para forjar o copeque de trabalho), pula no carro, "uma chave em partida" e... Isto para o diabo... Mais uma vez. Ainda... As manipulações nervosas com uma chave e os pedais do êxito não trazem. O dia estraga-se do mesmo começo. Os planos e o humor – estão no fim o jato.

Acalmar-se. Não é necessário apressar-se no terno inglês abaixo de um capuz de monge e, untando uma lama de óleo de laço, tentar fazer o diagnóstico. Durante 5 minutos, mais provavelmente, não curam. Tome outro carro e tratamento do amigo adoecido licença até a tarde. Cobre-o a doutores com a boa reputação, especialmente, melhor se tiver o carro caro e você não o especialista. Será tão mais barato. E se o seu amigo é bem familiar para você e considera-se o curandeiro – bem, tenta se não a preguiça a sujar-se ou não houver nenhuma saída do outro.

É necessário começar o diagnóstico calmamente

Estude mentalmente sintomas. O primeiro – se guinadas um autor? E se sim, isto, como energicamente? Já sabe que a resposta – se lembra de que ocorreu nas primeiras tentativas de começar o carro. Se não se lembrar – tentam mais uma vez.

Se o autor não se torcer em absoluto e até não clicar no revezamento de tração no momento da inclusão da ignição, então ou é defeituoso (é possível fechar um capuz de monge e seguir o conselho dado em cima: "Tome outro carro".), ou uma preocupação com o acumulador – desconectou-se ou assentou-se. Só em modelos raros o circuito de fornecimento de eletricidade de um autor pode proteger-se por uma fechadura de segurança – ampere assim em 300 – simplesmente para encontrá-lo, especialmente, se prever onde é. Se o acumulador for culpado, então ao mesmo tempo também todo o equipamento elétrico, por via de regra, não funciona. O caso elementar e mais brando – voou ou uma de tomadas, mas o acumulador como deve ser ficou sujado. Aperte fastenings de tomadas nele e em um autor (se for). Se fica claro que o acumulador completamente se sentou (esqueceu de apagar para a noite de um farol), é possível partir no entanto. Mas com ajuda. Aqui, como dizem, as opções são possíveis. É possível tentar adquirir-se de um empurrão, de uma colina ou do reboque. Não tente dar volta a recifes: o carro com uma caixa automática ou a injeção eletrônica do combustível (se lá uma bomba de gasolina elétrica) não consegue começar-se estes caminhos. É necessário adquirir uma luz do vizinho. Contudo, em alguns carros pode levar a danos do computador (leia a instrução ao carro). Se torcem um autor, mas inertemente (o negócio acontece no verão, é um sujeito de uma conversação separada no inverno), mais provavelmente, o acumulador descarrega-se quase absolutamente. Será visível na luz débil de faróis ou um sinal doentio. Neste caso acima-determinado as opções da ajuda entram em vigor.

Se o autor se torcer energicamente, e o motor não reage a tentativas de trazer-lhe, seguramente excluir tudo de novas reflexões, unidas com o acumulador. Objete quanto a sistema da ignição ou provisão do combustível, não se estará enganando. Em diagnóstico e tratamento de cada um deles a aproximação de sistema necessita-se. É melhor começar com a ignição – lá funciona de modo falho mais muitas vezes são. Especialmente durante o tempo molhado.

De uma faísca chamejará...

Deste modo, é necessário procurar uma faísca. O seu carro pode equipar-se do sistema de contato clássico (elementar) da ignição bastante difícil eletrônico sem contato ou alguma opção combinada. De qualquer maneira o sistema compõe-se de três partes. Parte uma – baixa tensão (contatos do interruptor em sistema clássico ou o sensor especial em eletrônico, mais a caixa com um recheamento eletrônico que forma uma faísca). A parte segunda – o transformador que levanta chamou no mundo pelo rolo de ignição. O terço de parte – alta voltagem (o distribuidor mecânico ou eletrônico e arames nos quais a corrente de alta tensão se traz a velas). E é natural, velas. Uma inspeção de toda esta economia deve executar-se em etapas e melhor começar com o fim.

Etapa primeiro. Parte de alta voltagem de sistema. Verifique se há uma faísca no arame central é isto que une o rolo ao distribuidor. A ponta de um arame tem de tomar-se fora de uma cobertura de distribuidor, para trazer mais perto a qualquer detalhe que tem bom contato com a massa do carro (pinta-se ou não, não importa) e fixar para que entre uma ponta e o detalhe escolhido lá foi uma fenda de 5-7 mm.

Ignição de Esliz no seu carro eletrônico, é necessário fixar um arame especialmente confiantemente – se quedas ao peso, a eletrônica morrerá imediatamente. Pela mesma razão é impossível bater em um arame no caso. Para estar de acordo com uma mão ele também não aconselhamos, até não o - vai a grande greve com a corrente.

Etapa segunda. Vire o motor um autor. Ao mesmo tempo olha o que ocorre em uma ponta de arame. Duas opções são possíveis. Mais favorável – a faísca é. Potente, acompanhado com clique barulhento. Consideravelmente estreita o campo de novas pesquisas.

Em primeiro lugar é necessário descobrir o distribuidor. Abaixo dele pode parecer úmido e sujo. Em tal "condutor" a faísca de modo disposto decai em qualquer lugar, só não lá onde é necessário. Para esfregar, limpe e seque. Ao mesmo tempo inofensivamente limpar contatos do distribuidor, por exemplo, uma pequena pele. Examine o assim chamado "corredor". Se nele ou em uma cobertura do distribuidor encontrar um traço escuro do esgotamento elétrico, o detalhe deve modificar-se.

Do modo mais parcial verificam os arames que vão do distribuidor a velas. Os arames e as suas dicas têm de ser secos e puros. Se com eles, na sua opinião, tudo for muito bom, é possível pôr uma cobertura no lugar, restaurar conexões e tentar começar o motor. Se o mau funcionamento se escondeu abaixo de uma cobertura – o motor vai se começar ou, na pior das hipóteses, pelo menos começará a espirrar. Um sintoma demasiado favorável – você em um caminho direito. Contudo, é necessário resultar, limpar e secar velas – em tentativas de começar o motor preencheu-os com a gasolina. Se o motor até não espirrar, as velas mesmo assim devem despejar-se, limpar-se e verificar-se. É mais simples se houver um jogo de sobra.

Se já conseguiu uma etapa de uma reversão de velas, é possível verificar bastante efetivamente (e é eficaz) todo o sistema da ignição em geral. Tendo unido arames de alta voltagem às velas despejadas, reúna velas em um ramo como cenouras e vento diretamente pela sua parte de entalho com um arame suave nu. Assegure-se que o arame tem o contato com cada vela, mas não concerne os eletrodos centrais. Una o fim livre de um arame ao peso. Arranjar um ramo de velas no lugar, conveniente para a observação do salão, torce o motor um autor. Ao mesmo tempo entre eletrodos de velas à sua vez (segundo um procedimento operacional de cilindros) têm de deslizar faíscas alegres. Se isto for assim, então todo o sistema da ignição como deve ser. O som de motor ao mesmo tempo será muito excepcional – não se assustar, vira com as velas despejadas. Muito tempo não se torce. É pior se na segunda etapa do cheque outra opção se realizar: não há faísca entre o arame central e "caso". Meios, não são cadeias de alta voltagem. As novas pesquisas serão mais difíceis, estimarão o tempo e desejo. Se isto e o outro disponível, comece a terceira etapa. Verifique se a tensão na ignição enrola movimentos. É fácil fazê-lo um provador e se se estiver ausentando, é possível usar um bulbo podkapotny. Contudo, o par de arames devem uni-lo ao rolo. No sistema clássico da ignição é necessário unir um bulbo entre o peso e uma entrada da curva primária.

Na terceira etapa, como de hábito, duas opções são possíveis também: tensão no rolo os movimentos, ou não estão presentes. Se movimentos, o rolo – o esgotamento ou o circuito curto curto forem culpados que, contudo, acontece extremamente raramente. O rolo deve modificar-se. Mais muitas vezes há um mau contato na fixação de arames ao rolo. Ou a mesma sujeira molhada na qual a faísca se derrama não se conhece onde. Às vezes o rolo pule-se para lustrar, mas abaixo dele a tira muito estreita invisível da sujeira – o condutor bastante bom permanece.

Se na terceira etapa se convenceu que a tensão no rolo não se move – a eletrônica ou os contatos e as conexões inseguras são culpados de uma parte de baixa tensão do sistema da ignição. (O painel de comando e, mais raro, o sensor no caso de distribuidor) não enfrentará a eletrônica – a sua diagnóstica necessita o equipamento especial. É possível a menos que puxe a tomada de sensor no caso de distribuidor – repentinamente ajudará. Se tiver um carro com o sistema de contato clássico da ignição, é possível procurar além disso.

Descubra com o distribuidor e examine contatos do interruptor – podem oxidar-se, especialmente, se o carro algum tempo esteve sem o movimento. Os contatos têm de limpar-se cuidadosamente uma pele fina ou um arquivo especial.

Puxe os contatos limpados para que ficassem isolados, desconectaram-se. Tensão neles só 12 volts, por isso, é possível puxar intrepidamente. Se a limpeza não ajudou e a tensão no rolo, Entretanto, não se move, mais uma vez aconselhamos durante algum tempo para terminar tentativas da ressuscitação do carro como as dificuldades começarão além disso.

Se a tensão apareceu (puxando contatos as cintilações de bulbo), restaure todo desparafusado e classificado, começa o carro e, talvez, ainda se entenderá bem nos assuntos. Se não se adquirir, mas já pelo menos espirra – resultam velas e...

Não pressione a um soalho – não ajudará

Pode resultar e para que todo o sistema da ignição se verificasse, nele tudo é muito bom, e o motor embora estoure, mesmo assim não se começa. Meios, os problemas com outros dos sistemas mencionaram antes – um sistema de provisão de poder, isto é provisão do combustível no motor.

Se tiver um carro com a injeção (o sistema de injetor da oferta) do combustível – não o tocam (ao sistema). Só pode vir à conclusão que estalou: a faísca é, aproximações de combustível – meios, ele, querido. Tratamento só em um hospital. Em condições de casa e em handicraftsmen para consertá-lo é inútil e é até perigoso.

No motor de carburador ordinário o sistema de combustível é mais simples – um tanque, uma bomba de gasolina, grupo de oleodutos e o carburador. Aqui é possível escolher mais. Em primeiro lugar é necessário convencer-se que a gasolina vem ao carburador. Desconecte uma mangueira do carburador e aperte a alavanca da extração por meio de bomba manual do combustível. Se corrente bastante potente de gasolina – tudo normalmente martelava, é tempo de passar ao carburador. Acontece para que a gasolina ao carburador se mova regularmente, mas por alguma razão não lhe venha. Se houver tempo e o desejo, retirarem o filtro de ar então pedem que alguém aperte um pedal de acelerador agudamente. Ou pode puxar agudamente para uma corda do passeio de uma válvula de borboleta. Ao mesmo tempo olha no carburador de cima (a porta aérea está aberta, diferentemente não verá nada): se no primeiro difusor a corrente de gasolina não apareceu – meios, não está na câmera feita funcionar pela bóia. Não está lá porque a agulha da válvula picou ou (acontece não realmente muitas vezes) o combustível penetra no carburador martela-se completamente – localiza-se em frente da câmera feita funcionar pela bóia. Ou os jatos desordenaram-se. O filtro compensa-se por uma purgação, contudo na ausência em você as habilidades necessárias é melhor não contatar com interiores de carburador em absoluto, tratar com a interferência da válvula de agulha, uma contaminação de jatos e outras sutilezas – deixou faz-se por peritos.

Se a corrente no difusor for, preste atenção ao acordo inicial do carburador – bastante muitas vezes falha. Em carros estrangeiros desde 70os anos, o controle automático da porta aérea aplica-se. O dispositivo sem a sua participação dependendo da temperatura dos fins de motor ou ligeiramente abre a porta, é como necessário, enriquecendo a mistura no lançamento do motor. Se este equipamento automático funcionar, é possível tentar manipulações manuais com a porta aérea, mas há muitas opções e não há conselhos universais. Antes que as manipulações unam e fixem a mangueira de combustível mais adiantada desligada. O filtro de ar ainda não pode instalar-se. Se se adquirir, deixe-nos o motor faz calor e boa sorte (anteriormente tendo devolvido no lugar o filtro de ar). . Se no momento do fornecimento de combustível verificarem que a bomba de gasolina resulta aquela gasolina de uma mangueira não vai ou uma corrente muito fina, a razão deve procurar-se nos oleodutos cobertos adquiridos, o filtro da purificação fina do combustível ou o tanque de gasolina – pode mostrar bastante o artesanato, tendo bombeado sobre um tubo de combustível a bomba de pneumático na direção, o regresso ao movimento de gasolina, isto é do carburador a um tanque. Em um tanque os sons em crescimento, gorgolejam têm de ouvir-se.

Com o filtro da purificação fina do combustível tudo é simples. Embora quase em todos os modelos modernos se realize no caso transparente, o grau da sua impureza visualmente não pode definir-se. O filtro sujo permitirá começar o motor, mas não permitirá ir normalmente. Se se martelar completamente – não começará o motor. A verificação mais efetiva: para retirar o filtro e se não estiver presente novo, temporariamente para substitui-lo com um tubule conveniente, por exemplo os casos da caneta de bola, é melhor transparente – é visível como a gasolina flui. Não tente limpar o filtro – soldado (ou picado) o caso não entende.

Se veio a uma conclusão que a bomba de combustível não funciona para o seu carro e dispensa perto à mão não está presente – "Tomam outro carro...".

Deixamos o raro, mas o diagnóstico mais desagradável finalmente. Se o autor trabalha normalmente, já passou a abundância do tempo e se convenceu que a ignição e a comida em uma ordem cheia e carro, no entanto, não se começam – vale a pena examinar um cinto de passeio de eixo. Contudo, resolva, esta inspeção pode executar-se também no começo, especialmente se o motor já passou mais de 60 mil. A complexidade está no que deve retirar-se ou pelo menos parcialmente não curvar a parte superior da cobertura plástica que fecha um cinto. Possivelmente, em um cinto teeths – em cintos como em pessoas, os dentes se perdem de uma velha idade cortaram-se. Neste caso o eixo não gira e o motor não funcionará. É claro, que o cinto sem dentes exige a substituição (esta preocupação não ameaça àqueles que tem um carro com o passeio de cadeia de um eixo). O procedimento da substituição de um cinto não é difícil, mas é incômodo. Executa-se em um hospital. É bom se tudo se limitar à substituição só de um cinto, mas não válvulas de inclinação ou toda a cabeça do bloco – acontece também.

Sobre as razões de aterosclerose

Vamos tentar explicar porque o sistema de sangue do carro às vezes se surpreende "aterosclerose". Gasolina – sangue do carro. E o sangue tem de ser puro e correr em navios puros. E nós são culpados que em navios sobre uma medida admissível "colesterol", por via de regra, reúne. Se muitas vezes usa uma lata para um doliv de gasolina em um tanque? Se sim, que possibilidades de desordenar um tubo de combustível e aumento de filtros, especialmente se o seu funil sem rede. Em uma lata o lixo, uma ferrugem, areia normalmente acumulam-se e se uma lata no interior coloriu, então e partículas de pintura. É claro, o mais pequeno número de um container intermediário usa-se no caminho de gasolina de uma coluna a um tanque, o melhor. Como é estranho, até no posto de gasolina mais avaro da sujeira em tanques na relação específica é menos, do que em uma lata "de casa". Açoite dos nossos postos de gasolina não tanta sujeira, quanta água. Mas aqui somos fracos. Na nossa memória só um caloteiro queimou-se na diluição de gasolina e que não água, mas urina asinina, e não na vida, e no cinema (ver. "Cavalheiros de boa sorte"). Portanto é necessário conciliar-se. Contudo com a própria mão para não acrescentar a água à gasolina diluída doméstica, tente sempre manter um tanque cheio. Em um condensado de tanque incompleto, especialmente no fora de temporada quando há baixas de temperatura agudas acumula-se.

É menos do que parasitas

É necessário dizer um par de palavras do acumulador. Como na maioria de carros modernos ele desacompanhado, não está presente sentido de fornecer aqui instruções de manutenção. Vamos dar algum conselho adicional como mais longo para guardar o acumulador viável. Não goste um napichkivaniye do seu carro de consumidores adicionais da energia. O fato que o estoque opredenny que permite unir-se a dois três "parasitas" se fornece no equilíbrio de poder do carro, não significa que é possível suspender seis chifres e dez luzes de nevoeiro no carro – têm o senso de proporção. Além disso, se unir chachkas imprevisto independentemente, a probabilidade do dano da isolação é alta. E em geral como prática, qualquer demonstração, a cirurgia que até mais se qualifica em uma instalação elétrica do carro tem um efeito mais cedo ou mais tarde. Preocupações.

Se o seu acumulador estiver perto da morte, tente não a gulshit o motor durante as paradas incontáveis na cidade. Nada assim força a bateria como o uso frequente de um autor.

E o último (concerne não só o acumulador, mas também todo o equipamento elétrico em geral). Lembre-se: todas as tomadas, contatos, as dicas de arames têm de ser secas e puras e é bom estar contíguo a "destinos". A isolação suja, gordurosa faz o caminho mais cedo ou mais tarde, e o podgoraniye e a oxidação de qualquer superfície de contato podem servir só (e suficiente) como uma causa do fracasso do sistema da ignição. Ou fogo.

Nele é possível parar. Os motoristas meticulosos, indubitavelmente, prestaram atenção a alguma superficialidade dos nossos conselhos. Admitimos, intencionalmente não desejamos ir profundamente em um mato. Para não o provocar ao auto-tratamento – não resulta no bem. A compreensão da natureza de dores no fundo de um estômago não significa à direita que tem de eliminar em você um apêndice. Mas tem de descrever aos sintomas de apendicite de doutor precisamente. Muito ajuda o tratamento.